MENU

Escrito por • 05/03/2012

compartilhamento de arquivos e o retorno de P2P

em quase todo tipo de embate, a qualquer tipo de ataque corresponde um contra-ataque. nem sempre é como na física, onde por lei a reação é igual e contrária. às vezes o contra-ataque é maior e noutras, muito menor. olhe a indústria de mídia: propostas como SOPA e PIPA [discutidas aqui e aqui] usam o suposto impacto da pirataria em rede sobre as receitas das grandes empresas de mídia para tentar assumir o controle da internet e exercer um domínio férreo sobre o conteúdo online. leis como SOPA, PIPA [e ACTA ] são exemplos de contra-ataque desproporcional ao ataque representado pelo uso da rede para compartilhar conteúdo em larga escala.

mas quando se olha o problema de perto e de forma idônea [ou seja, sem a influência dos lobbies do setor, como fez o governo suíço, descobre-se que o impacto da cópia online sobre os negócios não justifica medidas de exceção como as propostas pelos americanos, pelos franceses [HADOPI] e outros. lá na suíça, download [de qualquer coisa] para uso privado é… legal. pura e simplesmente legal.

e o embate evolui: com o fechamento em série de cyber lockers como megaUpload [veja discussão aqui] no auge da luta contra SOPA e PIPA, a rede está se redesenhando e [re]aparecem os ambientes decentralizados, sem censura e anônimos de compartilhamento, como mostra [abaixo] o gráfico de downloads de retroShare, plataforma de criação de redes P2P seguras, anônimas e criptografadas. segundo torrentFreak, retroShare é um darkNet quase impossível de ser monitorado por estranhos. até que seja proibido ou se desenvolvam novos métodos. resumo da ópera? retroShare, tribler, stealthNet e muitas outras redes vão ser criadas, subsistir e evoluir, principalmente enquanto houver graves problemas de acesso [mais que de preço] a conteúdo online. sem os repositórios de arquivos, que estão sobre pressão da MPAA, RIAA e governos muitos, quem vai resolver o problema, de novo, são as redes P2P. até quando?…

image

Artigos relacionados

0 Responses to compartilhamento de arquivos e o retorno de P2P

  1. Não tem volta a democratização de acesso a dados pela Web.

  2. Roner disse:

    Com certeza Mr. Meira, o compartilhamento de informações é agora uma realidade imutável, pelo menos do ponto de vista de existir, corta-se uma janela cria-se uma porta, porta essa que fica cada vez maior. Já no quesito de proibição a livre transição da informação, os governos as industrias e outros que tem esse poder de reter a informação, iram acabar por ter mesmo que se render, pois isto não é uma tendencia e sim uma realidade, terão eles que adaptar, e gerando novas possibilidades de se reinventarem, pois essa censura ( a nível mundial vai causar pra eles mais problemas que benefícios ) me faz ter em mente uma ideia de luta, e para todos no planeta temos não só a impressão como temos a certeza que uma briga com o mundo hacker não é uma boa pra nenhuma das quatro partes: governo, industrias, pessoas comuns e os hackers.

  3. Wagner Meira disse:

    Muito primo… um grande abraço W

  4. PANICO disse:

    Suiça está à frente de qualquer outro país.

  5. Arilton disse:

    Sem dúvidas que as redes P2P e Torrents irão voltar a ser utilizados com mais frequencia, e que saber? É bem mais fácil baixar em torrent do que a forma antiga através de servidores como o Megaupload.

    Obs. Por que a reportagem está toda em letras minúsculas? Estranho

  6. Francisco disse:

    Aos 64 anos de idade já ví de tudo em matéria de transformação no nosso país e no mundo…..penso que só devemos nos preocupar com hackers e pornografia…o resto é balela, que se dê liberdade ao mundo.

  7. Jerico disse:

    silvinho continua escrevendo pouco e ruim.

  8. Decio Forni disse:

    Apesar destas novas redes garantirem liberdade para alguns, a grande rede mesmo estará cada vez mais controlada.

    A internet começou livre de certa forma, agora está caminhando para cerceamentos em que pelas regras atuais todos serão identificados, barrando opiniões de todos para todos.

    As 60 regras novas do Google e o que diz o iniício do texto, sobre PIPA e SOPA estão ocorrendo pois opiniões livres trazem perdas ou riscos para grandes interesses.

  9. Pancreas disse:

    Compartilha minha benga.

  10. Silvio, não sabia que o governo suíço havia legalizado os downloads para uso pessoal. Quando os governos e instituições vão perceber que certos aspectos da internet são IRREVERSÍVEIS? Não há controle que consiga conter a LIBERDADE on line!

  11. TOTAL ALIEN disse:

    PODRES DESGOVERNOS JAMAIS IRÃO DETER, A EFICACIA E A AGIL TROCA DE INFORMAÇÕES E ARQUIVOS QUE A BENDITA E UNICA INTERNET PROPORCIONA !!!

  12. Felipe Gomes disse:

    Sempre vai existir meios de compartilhar informação, seja por P2P, P2M ou qualquer outra coisa que inventarem. Enquanto o governo estiver lucrando valores exorbitantes com impostos, a pirataria vai existir.

    http://pragma-gamer.blogspot.com

  13. Paulo disse:

    A chave do problema está nos impostos exorbitantes…Baixem os impostos que a pirataria vai terminar!

  14. lenice disse:

    Quer assistir canais de TV por assinatura em seu PC http://www.tvhd.com.br