MENU

Escrito por • 04/03/2009

o fim das secretárias e de muitas outras profissões

craig mundie, responsável pela pesquisa e estratégia [e pelo futuro] da microsoft, está apostando que sistemas computacionais até 100 vezes mais potentes do que hoje estarão disponíveis em 2013. e estas coisas vão gastar tanta [ou menos] energia do que os chips atuais.

as implicações podem ser espetaculares. reconhecimento de voz, faces e atitudes pela porta da sua casa, feita por um “sistema” que exerceria, no futuro, um papel muito mais sofisticado do que as fechaduras atuais. sem falar nas possibilidades no carro, elevador, fogão, geladeira, cama… enfim, onde houver uma “coisa”, é capaz de em breve ela ser computacional e se comunicar conosco e com outras coisas, pela rede. usando visão, audição e voz.

meu ceticismo sobre tais “avanços”, em tão curto espaço de tempo, é grande. mas pode ser só por causa do tempo. claro que vai ser muito mais confortável e interessante se, no futuro, não precisarmos carregar e usar chaves de nenhum tipo, pois sistemas de acesso suficientemente capazes e ubíquos [espalhados por toda a sociedade] nos reconheceriam e, em função de diretivas e restrições a eles associadas, nos deixaram passar por aqui ou por ali, quando fosse o caso. ou não.

mas os cenários de futuro construídos pela turma de mundie não param por aí. o mesmo tipo de capacidade computacional poderá ser usado, segundo a turma dos laboratórios da microsoft, para transformar o que hoje é seu PC ou laptop num “assistente pessoal”. ou, como se constumava dizer no passado, numa secretária. como assim?

o mercado de PCs vai começar a ser cada vez mais de reposição. como crescer vendendo software [ou serviços de software] como windows e office? procurando outras coisas que todo mundo “vai querer” e  tornando realidade. e a microsoft acha que muita gente gostaria de ter uma “secretária eletrônica” que pudesse resolver reuniões, viagens, pagar contas, lembrar do aniversário de casamento, comprar presentes e por aí vai, sem que você tivesse que interagir com uma interface computacional das que temos hoje. se vai pegar ou não, é outra conversa. mas tem uma chance muito grande de estar bem perto de você, num futuro bem próximo.

image

acima, uma reprodução de como “laura”, o protótipo de secretária eletrônica da microsoft, vê o mundo hoje. laura é apenas uma das inovações que a microsoft e muitas outras empresas podem trazer ao mercado no futuro próximo. de 1965 até 2005, a capacidade computacional pelo mesmo preço aumentou cerca de um bilhão de vezes. o super-computador do MIT, de 1965, era 1.000 vezes menos potente do que um celular sofisticado de quatro anos atrás. e outro aumento de capacidade da mesma classe, um bilhão de vezes pelo mesmo preço, deve rolar entre 2005 e 2030, encurtando em 15 anos o tempo para tal avanço.

se conseguirmos fazer software que vai usar apropriadamente tal capacidade computacional do futuro próximo, não só sua secretária poderá ser eletrônica, mas o motorista e o cobrador do ônibus, o taxista, o operador de call center… e, quem sabe, até uma parte dos professores? mesmo hoje, e com todos os problemas que ainda temos que resolver nos programas que nos rodeiam, não é difícil “escrever”, em software, um professor que tira mais que zero num teste de sua própria matéria…

Artigos relacionados

0 Responses to o fim das secretárias e de muitas outras profissões

  1. Paulinha SP disse:

    Estou com os meus dias contados !!!!! (secretária me meio ao nervosismo da descoberta)

  2. Maria Helena disse:

    Pois é tantas inovações tecnológicas… no começo da internet decretaram o fim do jornal, revista, até hoje estão aí… algumas descobertas revolucionárias até funcionam, mas nada como contar ainda com o calor humano em algumas profissões…

  3. Carlos Henrique disse:

    Pois é – concordo plenamente – mas colocar o laptop no colo não será a mesma coisa.

  4. Liah disse:

    Maria Helena está com toda razão! Não acredito que a profissão de secretária será substituido por uma “máquina”. O ser humano é único, as máquinas só servem para auxiliar, fazer o trabalho ficar mais fácil.

  5. Regina disse:

    Mesmo com toda tecnologia, acredito que a secretária não será substituída. O papel da secretária nas empresas hoje é muito diferente do que está mencionado no artigo. A secretária não é apenas responsável por marcar reuniões, atender telefone, comprar passagens aérea e presentinhos para executivos. O seu papel mudou e já faz muito tempo. Hoje a secretária é uma pessoa que ocupa uma função estratégica dentro da empresa em que atua tendo como papel principal assessorar diretamente a um ou mais executivos, devendo planejar, organizar e dirigir os serviços atribuídos a uma secretária que envolve várias funções como: redigir e interpretar textos profissionais; registrar e distribuir expediente; avaliar e despachar a correspondência; planejar, organizar e participar de visitas, reuniões e eventos; recepcionar visitantes; realizar contatos externos; facilitar a formação de equipes; manter equipes motivadas e facilitar o relacionamento das chefias com os subordinados; intermediar relacionamentos entre empresas, clientes externos e internos; coordenar informações.
    Para um mundo de rápida troca de informações, são exigidas três qualidades indispensáveis: Flexibilidade, Competência e Conhecimento.
    Definitivamente, uma máquina ainda não seria capaz de substituir tal profissional.

  6. rose disse:

    kkkkkkkk duvido …..

  7. rose disse:

    olha realmente uma secretaria nao pode ser assim substituida por uma maquina simplesmente …………..o ser humano ainda é um ser impar, inteligencia pra resolver coisas imprevisiveis essa maquina nao teria tal capacidade , e agilidade rsrsrs é cada coisa que se houve afffffffffffffffff

  8. Carlos Henrique, sua visão de uma secretária é muito pequena, assim como deve ser também sua cabeça. Nada poderá substituir o papel de uma secretária eficiente dentro de uma empresa, como muito bem disse Regina. Concordo com ela e tenho pena de cabeças vazias como as de Carlos Henrique.

  9. Silvia disse:

    Essa nova tecnologia vêm acompanahada de uma psicóloga hoje as secretárias além de desempenhar muito bem suas funções ainda acham tempo para ouvir os desabafos de seus executivos será que eles estão preparados para contar seus problemas e frustações a uma máquina…….

  10. Willians disse:

    Demorou, fim das que sofrem de síndrome da pequena autoridade.

  11. Luciane disse:

    Péssimo comentario de Carlos Henrique…visão de quem não enxerga um palmo a sua frente!
    Parabens Regina…pelo menos vc tentou né….
    Grata…uma secretária

  12. Evaldo disse:

    Eu, como professor já estou me reposicionando. Competir com as máquinas será algo inusitado mas altamente desafiador. Tudo isso é perfeitamente previsível e possível (Ray Kurzweil – A Era das Máquinas espirituais)

  13. Da negação

    “A direção do mundo esta levando, a humanidade aos erros graves, que vai afetar a vida dos outros e a nossa, pelas conseqüências da desigualdade , se m calcular as mudanças de tudo que vira pela nossa frente “

    “Esse dia. Será como á ultima ceia, desgosto de poucos (vai ser como era agonia de muitos) vão se confessar sozinho em publico, expondo seu roteiro da maldade no ar, para pedir perdão , enquanto isso vão negando, ao mesmo tempo já se preparando psicologicamente para o dia do veredicto”

    “O verdadeiro significado do amor decisivo vai ser preciso antes durante depois do ano base 2015, onde as maquinas do futuro vão administrar tomando o nosso lugar, e o povo será humilhado se a distribuição do lucro do mundo não entrar no ar”

    “Para que maquinas vão precisar ter recursos se elas não dependem de nada, só da nossa inteligência, e a quem pertencera ao setor publico privado misto, não terá nem uma importância, sem distribuir o lucro aos seus habitantes”

    “O paraíso que se falou ate o presente e o que vem pela frente, se for dispensado vai ser um suicídio para toda raça humana e tudo que tem vida sustenta, se a gente dispensar a maior chance de viver em harmonia num paraíso com muito amor ate o ano 2015 segundo a ficção”

    “Na ficção uma pane no sistema de acesso à internet, tiro do ar por muitos dias, nada foi consertado, voltou a funcionar, sem explicação, sem achar um só defeito, isso tem como ocorrer fora da ficção, único lugar do mundo no Planeta Terra foi o filme assistido”

    Texto da ficção autor Paulo Ilmar Kasmirski ano 1996 solto pelo mundo afora viva a vida com alegria esse dia vai chegar acreditando ou não, esteja vivo falta pouco para viver num paraíso ainda nessa vida, sem negar o direito de todos

    Tudo esta coincidindo e tudo vai porque e possível e não tem como negar e dispensar isso que vem pela frente vamos viver a verdadeira semelhança de tudo que já aconteceu esta para acontecer melhor algo como a ficção novelas filmes, aos poucos esta virando realidade da evolução sem volta nas mesma condições do passado

    http://smeira.blog.terra.com.br/2009/03/04/o-fim-das-secretrias-e-de-muitas-outras-profisses/

  14. Na minha opinião, o emprego mais ameaçado pela tecnologia é o de blogueiro que pouco entende sobre os assuntos que trata.