MENU

Escrito por • 26/07/2009

robôs [1]: fora de controle? como? quando?

image

a imagem à esquerda não é exatamente um robô; trata-se de um predator, um “avião” do tipo UAV [unmanned aerial vehicle, ou VANT, veículo aéreo não tripulado, em português], disparando um míssil hellfire, ou fogo do inferno, em algum lugar do planeta. de acordo com seus alvos prediletos, o taliban e a al-qaeda, o “sistema” [e não veículo] predator é muito mais preocupante do que tanques, aviões normais ou qualquer outra coisa que mata, no ar, na terra no mar. o predator é o irmão menor do reaper; somando um e outro, há pelo menos 210 deles em operação nas forças armadas dos EUA. abaixo, outra foto do predator, cortesia do timesOnline.

image

segundo o timesOnline, dois dias depois de sua posse o presidente obama já estava dando ordens para que suas forças no afeganistão usassem os UAV contra alvos no paquistão, onde, teoricamente pelo menos, não há uma guerra contra os EUA e na direção de onde, também em tese, não se poderia atirar. os hellfire disparados por predators já mataram, com sua carga explosiva de fragmentação de 4kg, centenas de pessoas no paquistão.

segundo fontes paquistanesas687 civilians have been killed along with 14 Al Qaeda leaders in some 60 drone strikes since January 2008 — just over 50 civilians killed for every Al Qaeda leader. nossa atenção, na frase, deve ser para o “just”, que quer indicar, ao que parece, que “só” cerca de 50 civis foram mortos para cada líder da al qaeda, como se isso desse um ar de normalidade ao quase certo assassinato, à distância, de seres humanos como eu e você.

por enquanto, veículos como os predators são comandados por seres humanos. numa reportagem recente [de 24/jul] a cnn explica, no detalhe que é possível para sistemas e operações do tipo, como a coisa funciona. os “pilotos” dos predator que “lutam” no oriente estão em bases continentais nos EUA, como creech, nevada, para onde vai, nos seus dias de trabalho, o major morgan andrews. segundo a cnn, depois de beijar a mulher e dirigir uma hora de carro… within minutes [he] could be killing insurgents on the other side of the world. você pode ver vídeos das ações dos pilotos de creech, detonando o outro lado do mundo, neste link.

tudo remoto, limpo, impessoal, matando insurgentes e não pessoas, sem qualquer risco [a não ser a perda do predator], do ar condicionado de uma sala em nevada, no expediente… e depois é só dirigir de volta pra casa, beijar a mulher, ajudar os filhos nas tarefas da escola… que amanhã tem, de novo, tudo igual. só mais uns alvos a eliminar ali e acolá.

os UAV como o predator têm se mostrado tão eficazes que o secretário de defesa dos estados unidos, robert gates, anda dizendo que os F35, a próxima geração de aviões de caça dos EUA, serão, também, suas últimas máquinas tripuladas. segundo um alto comandante da inteligência da força aérea americana, o que nós estamos vendo hoje, comparado com o que está por vir nos próximos 30 anos, “são os anos 1920”… pra comparar, veja a imagem abaixo: são de havilland DH9A, da royal air force, nos anos 1920. talvez a gente devesse estar mais preocupado…

image

segundo o tenente-general david deptula, sistemas deste tipo estão… destined to work with decreasing human input. em bom português, sistemas como o predator e seu irmão maior, o reaper, estão destinados a depender, cada vez menos, de decisões e controles humanos. até que ponto? ao ponto de serem completamente independentes? e quais seriam as possíveis consequências? em que prazo e para quem? e se eles “fugirem do nosso controle”?…

é isso que vamos discutir durante a semana. você pode acompanhar as pílulas da discussão [entre outras muitas coisas] em twitter.com/srlm.

enquanto o próximo texto não vem, veja o vídeo abaixo, do bigDog, um “cão-robô” que está sendo desenvolvido para o exército americano. vá até o fim do vídeo; a coisa é capaz de carregar 150kg em inclinações de até 35 graus. e a idéia é que ele seja o “melhor amigo” dos soldados…

 

 

Artigos relacionados

0 Responses to robôs [1]: fora de controle? como? quando?

  1. Tsc tsc disse:

    Destaque para o português invejável do autor desta matéria…

  2. Teodoro disse:

    MAIS IMPORTANTE QUE TUDO É A DESUMANIZACAO DO CONFLITO QUE ENTRA EM CHOQUE COM OS VALORES MAIS PROFUNDOS DA CIVILIZACAO. NÃO HÁ COMO FALAR EM VALORES E EM ÉTICA E PRATICAR ASSASSINATOS LEGITIMADOS. iSSO É O QUE TORNA ISRAEL INACEITAVEL

  3. TSC! disse:

    Pior que o português só mesmo a interpretação de texto em inglês!

  4. Batista disse:

    A tendencia são os VANT, pois a formação de pilotos é cara,bem como suas perdas ou resgates em combate.Um operador de video games pode dirigir um VANT a um custo baixissimo. Quanto a morte de civis os gananciosos por poder e riquezas(grupos e governos) sempre sempre se explicam aos holocaustos que provocam pelo mundo a população civis.

  5. CITNES disse:

    A única coisa que diferencia Obama de Bush é a cor da pele!

  6. Igor disse:

    Pior que o português só o sensacionalismo barato de máquinas independentes “fugindo do nosso controle”, dignos de filme de ficção.

  7. renato disse:

    Uma informação ao Sr. Teodoro, a sua ignorancia de conhecimento sobre Israel é imperdoavel, vossa senhoria deveria conhecer mais de história. Não passe este tipo de posição para os seus filhos, eles não merecem tanto falta de discernimento de uma pessoa.

  8. Lauro disse:

    Aviso aos navegantes: Estejamos preparado para aprender e direcionar nossos filhos `a informatica… porque ate o piloto de aviao vai sair dele…Esse futuro nao esta muito longe!

  9. Diniz disse:

    Aceitam Israel na marra,acabou a epoca de dar a outra face,bateu morreu,é isso que esses assassinos acham inaceitavel.
    Guerra é guerra vale tudo,lugar de chorar é na cama,tem que usar as armas que estiverem a disposição,o resto é conversa mole.

  10. RBarbo disse:

    Muito ruim a coluna, totalmente tendenciosa e desinformada, também não conta que esses 50 civis estavam bem proximos aos terroristas e provavelmente sendo usado de escudos humanos pelo mesmo, ou protegendo eles como insurgentes. também poderia coloca rno calculo já que esta fazendo isso o numero de vitimas dos terroristas no pasquitão nesse mesmo tempo.

  11. Flávio disse:

    Depois, os espíritas dizem,,que os homens morrem e renascem para evoluir,,onde estão os evoluídos então? tecnologia? isso não é evolução interna, espiritual, os homens enquanto humanidade, continuam os mesmos. Obama é um hipócrita,,e talvés a besta..quem prova o contrário?

  12. carlos disse:

    Parabéns pelae excelente aula de gramática. É por essas e outras que o diploma de jornalismo está sendo dispensado?

  13. Alex disse:

    Pior que o conhecimento da língua portuguesa é o nível de conhecimento do autor sobre a matéria. Pra quem se auto entitula “cientista” o dito cujo demonstra uma falta total de conhecimento, concatenação e uso satisfatório da linguagem. Algo tão ruim que depões contra o site que lhe concedeu o espaço.
    Péssimo, medíocre, ruim. Um amontoado de asneiras, uma sucessão de traduções pífias. É o melhor que posso dizer do artigo. Um verdadeiro cientista “control C control V”. Que lástima.

  14. `111112002 disse:

    Os filhos de israel, (judeus) sao os grandes assassinos da humanidade… onde tem dinheiro tem judeu, um povo fechado que não se misturam com ninguem, só se casam entre eles, são na maioria preconceituosos e vivem e exploram o brasil, mas na hora de servir, vão para israel defender um pais que eles nem vivem lá…. e o pior é que se vc pergunta para um judeu que nasceu no brasil qual sua nacionalidade ele respondera que é Judeu e não brasileiro…..
    20 milhoes de judeus no mundo, eu não estou falando que são maus, até por que não acredito nessa polarização do bem e mal, mas que se acham os filho de deus e que os outros são impuros, isso ele acham….
    E como matam!!!!!!! E depois fica o papinho furado de comida purificada e os cambau, antes de ficar purificando comida….. parem de matar…viva Palestina!!!! Shalon!

  15. `111112002 disse:

    Viva a comunidade dos arabe!!!
    Porque quase todo judeu é rico em quase todos os lugares do mundo????

    Porque Israel só pertence a eles??? Malditos ingleses e americanos que patrocinam toda a matança em troca de uma base no oriente medio!!!

    Viva o governo da faixa de gaza viava hamas!!!

  16. Diniz disse:

    E vão continuar a matar, para se defender,tivemos ótimos professores,entre eles:Hitler,Stalin,Pétain etc Nos ensinaram que para viver,tem que se defender,não tem essa de dar a outra face.
    Assassinos e ladrões do deserto vão aprender na marra.

  17. vv disse:

    cambada de chapeleta de fimose!!! pau fino e branco pequeno!!!

    vamos doar um pedaço do Zaire para os Judeus, ai acabou o problema!!!

  18. mataram ate jesus, passou na frente eles matam!!!
    e o simbolo maximo dos judes é Judas

  19. Diniz disse:

    Tem um ai que sabe a grossura e o tamanho,biba.

  20. hgt disse:

    Porque os Judeus não se misturam com os outros, digo se misturar de verdade…. será que um brasileiro negro ou nordestino seria aceito em Israel como eles são aceitos aqui?? Eu sei que o Israelense não necessariamente é de religião judia, mas porque durante 2000 anos os problemas estão relacionados com os judeu???
    Ou eles são insuportaveis ou estão injustiçando eles em 2000 anos…
    O que fora todo antigo e novo testamento os judeus fazem pelo mundo??
    Arte???? Cultura??? sobre a cultura ele fazem que é pilhar e lavar dinheiro..

  21. Diniz disse:

    É só comparar quantos Judeus ganharam o Nobel,e quantos palestinos?
    Judeus ganharam 144 de 711 entregues desde 1901?
    Só em medicina foram 46.
    E voces?

  22. Jr disse:

    Meu amigo, Sr. Direitos Humanos…. vá tratar de minas terrestres, e deixa esse tipo de assunto para os adultos, ok?

  23. Geraldo disse:

    Independente do mérito do artigo é triste constatar que a falta de domínio do idioma inglês não evite que o autor se arrisque a tirar conclusão absolutamente divergentes do que o texto original menciona. Neste caso, o advérbio JUST não está empregado com o sentido de APENAS, mas sim EXATAMENTE, basta ver o contexto do mesmo. Qualquer estudante de nível médio de inglês deveria ter conhecimento disso.

  24. cesar disse:

    Caro Silvio Meira

    É impossível agradar a todos mas você deveria utilizar um pouco mais sua nobre inteligência. Esta matéria é tendenciosa. Como assim não mata pessoas? Só insurgentes? Pelo amor de Deus!!!

    Se você quer destacar a tecnologia de controle via satélite, tudo bem. Qualquer um com um pouco de informação sabe que isso já é uma realidade e que poderíamos fazer algo parecido também. O porque de não fazermos poderia abrir várias oportunidades de novas matérias.
    O problema é que você esta tratando de política, guerra com uma visão de distorcida e simplista. Estas tecnologias são feitas para Matar!!! Desta forma seu texto mereçe muito mais atenção para não banalizar um assunto desse nível.

  25. hgt disse:

    Eu com todo respeito acho os judeus um povo do preconceito…
    Uma pena, pois patrocinam toda morte e tristesa do mundo a pelo menos 2000 anos!!

    E por que todo Arabe é gente fina e todo judeu fechado e preconceituoso???

    Por que??
    O brasil Não tem relaçao co Israel…
    o Premier veio aqui e foi tratado como um imbecil facista e ultra direitista, que é o que ele é…

  26. Joseph disse:

    Uma informação ao Sr. Renato: conhecemos sim História e com discernimento.

  27. Zangado disse:

    Utilizar letras maiúsculas no início das frases é bom… Além de ser regra, facilita a leitura. Sobre esses sistemas terem tomadas de decisão, deve ficar claro que todas informações que eles tem são programadas. Quando uma máquina “toma uma decisão”, ela está apenas seguindo sua programação. A máquina tem caminhos a seguir, que foram pré-programados, e “opta” por um deles. Quando a sua programação não define qual caminho a seguir, ela “sorteia” um caminho… Já estudei inteligência artificial e não tem nada de mistério nisso. Na minha opinião está muito, muito longe mesmo, uma máquina ser independente, fugir do controle e se tornar uma ameaça.

  28. Fernando Freire disse:

    Também achei os comentários tendenciosos. Mas independente do que eu penso ou o que o autor pensa, é importante termos noção de que só chegam para nós as informações que os poderosos acham interessante chegar, sendo assim, não há como comprovar a veracidade dessa, ou de qualquer outra informação. De qualquer forma sugiro que o autor tenha mais cuidado ao escrever, prestando atenção quando está emitindo opinião e quando está passando informação. Normalmente gosto muito de alguns colunistas do terra, mas este aqui está por fora… esse negócio de se revoltar com os EUA e com guerra já virou clichê e deveria ter morrido no momento que o Bush saiu do poder. Sejamos mais positivos.

  29. Diniz disse:

    Vá ao interior paulista e pergunte ao povão o que eles acham dos ”turcos’.’ essa de gente fina vai cair na sua opinião.
    Brasil não tem relação com Israel? Um idiota do PT chamou o Chanceler de fascista e dai? O PT acha o chaveco da Venezuela o exemplo a ser seguido pelos governantes da America Latina,acho que chega,né.

  30. João Marcus disse:

    “just over 50” pode também significar “pouco acima de 50”, o que aliás é mais comum quando se usa a palavra “just”.

  31. Marcos disse:

    Tem muito comentário aqui de gente que não conhece nada de história.
    Não sou judeu. Não inocento israelitas, mas os árabes são mil vezes piores. Os judeus que matam muitos inocentes são apenas gente ruim como muitos que estão por aí (inclusive em nosso congresso), mas os árabes são simplesmente loucos ou extremo. Defender uns em função da maldade de seus oponentes é cegueira.

  32. William disse:

    Os judeus são os parasitas do mundo,, onde tiver guerra tem judeus envolvido, muitos aqui falam de conhecer a historia,, mas se conhece pq não escreve algo interessante,, quem disse que a Turquia é um país arabe? e pra quem não sabe os judeus é um povo sem terra e ultiliza Israel como referencia e a guerra ta longe de ser finalizada pois enquanto existir parasitas haverá guerra e a unica maneira de acabar com isso é exterminar o ninho… ok

  33. Marcelo disse:

    Qualquer falha no artigo é totalmente irrelevante quando se percebe que as palavras “Israel” e “Judeu” não aparecem no artigo, mas apenas nos comentários. Apenas por mencionar os EUA e o Oriente Médio os anti-semitas de plantão já disparam suas teorias conspiratórias, nazi-facistas e, claro, totalmente equivocadas.

  34. Mark disse:

    A Porta do hospício ja foi aberta,,,,,
    Quem de vcs todos gostaria de ser o primeiro?

  35. Henrique disse:

    “Just over” significa “pouco mais”, não tem relação nem uma com “só” ou “apenas”; portanto, a ilação no segundo parágrafo da matéria é descabida. O resto não li, já que quem comete uma besteira tão grande em um artigo de tamanha importância não merece ser lido.

  36. Solgrego disse:

    No infeliz e insensível Comentário por RBarbo — 26.07.09 @ 10:44 que parece ser de alguém sem nenhuma formação de filosofia, sociologia, humanismo ou coisa que o valha….Este comentário está repetido abaixo para que todos se lembrem de como é a mente humana.

    No comentáiro o que está dito é que se alguém serve de escudo pode tranquilamente ser morto, vale a lei do mais forte.
    O que está em discussão é muito mais que isto. A “morte limpa” é possível? Como pode um “soldado” tranquilamente sair de casa…matar a sangue frio…sim a sangue frio…pois não conhece, não está presente, não participa de nada.
    Mata como se estivesse em um video game e depois não querem a violência urbana, os assinatos sem fim.

    “Muito ruim a coluna, totalmente tendenciosa e desinformada, também não conta que esses 50 civis estavam bem proximos aos terroristas e provavelmente sendo usado de escudos humanos pelo mesmo, ou protegendo eles como insurgentes. também poderia coloca rno calculo já que esta fazendo isso o numero de vitimas dos terroristas no pasquitão nesse mesmo tempo.”

    Comentário por RBarbo — 26.07.09 @ 10:44

  37. pedro disse:

    Olha gente, muita opinião me deixou confuso. Mas que judeu ou israelense é orgulhoso não há como negar. São detentores da máquina da morte. E depois ficam enfiando papeizinhos nas frestas do Muro das Lamentações e batendo a cabeça na pedra como doentes e rezando. Rezando para Lúcifer com certeza !

  38. Diniz disse:

    Não existe e não existira Oriente Medio sem Israel,vão apanhar até aprender.No interior do Brasil,arabes.palestinos e etc são chamados de ”turcos”, só quem não conhece fala essa asneira.
    Os ”parasitas’ ganharam 144 premios nobel(em Fisica,Quimica,Medicina,Economia etc)e os assassinos e ladrões do deserto ganharam quantos?Só se tiver premio Nobel para assassinos e ladrões.

  39. Marcelo disse:

    Sobre o controle das máquinas… não é nem questão de Inteligência Artificial. Não é necessário a visão de um sistema que se torna consciente (como já explorado na série Exterminador do Futuro) para se pensar em problemas graves e fora de controle. Não !
    Quem trabalha com software sabe que um – ou uma sequência de – simples bug (ou “falha na programação”) pode ser tão apocalíptico quanto oque a ficção científica nos diz. E acontece todo dia.

  40. villa verde disse:

    dá medo ler tantos comentários racistas. eu pensava que o povo brasileiro estaria um pouco mais longe dessa tendência vergonhosa, mas, infelizmente parece que me enganei. sinto muito por todos nós.

  41. Diniz disse:

    Uns rezam dando cabeçadas(de leve) no muro,outros rezam mostrando a bunda, numa posição ridicula,ou seja cada um reza como quer.
    Tem alguns que explodem predios ,escolas,cinemas etc em nome da religião,e juram que seu profeta e seu Deus os levarão ao PARAISO.

  42. Eu sei ler inglês disse:

    “just over 50 civilians” significa “pouco acima de 50 civis” e não “só 50 civis”..

    vamo fazer um curso de inglês aí ?

  43. João Marcus disse:

    Destaque para a falta de vontade ao traduzir textos. O cara traduz “just over 50” para “só cerca de 50”, quando pode significar “um pouco acima de 50”. O texto já é um lixo mesmo, eu não esperava outra coisa.

  44. Paulo disse:

    E o cara de sai de casa vai lá no centro de controle, mata centenas, recebe um excelente salário, mora numa boa casa, seus filhos estudam em boas escolas, numa situação financeira melhor que a maioria, não está também numa espécie de paraíso – só que patrocinada pelo capitalismo do império (estado-unidense) ?

  45. roderick disse:

    Ronaldo

  46. Marcelo disse:

    Legal essa tecnologia, podemos usa-la no combate da miséria, fome, injustiça social e outras.
    Ha várias formas de servi a humanidade, isso já foi provado.

  47. srlm disse:

    uma das principais características de comentários, na blogosfera brasileira, é NÃO ler o texto que se comenta, combinado com comentar algo que NÃO tem nada a ver com post, como toda a discussão sobre judeus e palestinos deste caso.

    para os que comentaram o inglês, recomendo LER ó parágrafo que causou a intervenção de tantos… que é o texto abaixo:

    segundo fontes paquistanesas… 687 civilians have been killed along with 14 Al Qaeda leaders in some 60 drone strikes since January 2008 — just over 50 civilians killed for every Al Qaeda leader. *****nossa atenção, na frase, deve ser para o “just”, que quer indicar, ao que parece, que “só” cerca de 50 civis foram mortos para cada líder da al qaeda*****, como se isso desse um ar de normalidade ao quase certo assassinato, à distância, de seres humanos como eu e você.

  48. mauricio disse:

    como vários comentaram, o just over neste parágrafo quer dizer um pouco acima de 50, silvio, e nao justificando que foram apenas 50 civis por lider.

    se vc estiver em duvida, pergunte a cecilia. 😉 ela vai tirar de letra.

    • srlm disse:

      maurício [não que eu esteja particularmente preocupado com os comentários… mas já que você conhece cecília…]

      que tal ler o texto de novo?

      please follow me: 687 civilians have been killed along with 14 Al Qaeda leaders; it means that a TOTAL of 701 human beings have been killed.

      the ORIGINAL text divided the TOTAL number of DEAD, 701, by 14 [the number of supposed al qaeda leaders] and that gives JUST OVER 50 as a result. easy: 50 x 14 = 700.

      but the author of the text i quoted is just plain wrong. i could not be bothered to go into the the details in my text but he should have DIVIDED 687 by 14 gives 49.0714, which is JUST UNDER 50. so, if we do the right calculations, the original text is WRONG. who cares?…

      the heart of the matter is that the text SEEMS TO IMPLY that it is not all that bad that civilian casualties FIFTY TIMES the number of LEGITIMATE targets is acceptable.

      and i don’t think so. that is all.

      the REAL point in the discussion is that VERY FEW PEOPLE bother to read what is written, think about and write a comment about what they think they understood. we will have to wait a number [how many?] of years before that starts to happen in brazil.

      cheers,

      s

    • srlm disse:

      …DIVIDED 687 by 14, giving 49.0714 as a result…

  49. Telmo Mota disse:

    Focando nas perguntas finais:

    1) ao ponto de serem completamente independentes?

    Acredito que nenhuma arma chegue a ser completamente independente nunca. Qualquer um poderia ser considerado alvo válido. Então um mecanismo de gatilho é sempre necessário.

    2) e quais seriam as possíveis consequências?

    Caso armas pudessem decidir quando disparar, elas deveriam ser ativadas apenas na área onde os alvos são encontrados. Perfeito para os EUA, onde a guerra está em outro continente. Mas seriam menos interessantes para disputas entre vizinhos.

    3) em que prazo e para quem?

    Se essas armas forem descartáveis, como mísseis, o prazo é mais curto. Acho que os EUA não venderiam a tecnologia, mas o serviço de guerra.

    4) e se eles “fugirem do nosso controle”?

    Já deve haver uma forma de destruir essas armas remotamente. O exército não arriscaria que inimigos tivessem chance de fazer engenharia reversa.

  50. Vanderlei disse:

    Sílvio Meira oque tem demais alguém beijar a esposa ir para o trabalho e matar terroristas a distância?Numa guerra sempre alguns inocentes irão pagar o pato também,guerra é guerra.Queria ver se você fosse daquele país miserável sendo refém de uma religião maluca como ia se sair.

  51. mauricio disse:

    Silvio,

    Li e reli a matéria original e aqui vai o trecho completo:

    Despite these successes, U.S. drone strikes have been widely criticized for their high civilian death toll. The U.S. has been tight-lipped on these numbers, refusing to disclose “how many civilians have been killed in the strikes,” but an article in The News this past April published figures provided by Pakistani officials, “indicating that 687 civilians have been killed along with 14 Al Qaeda leaders in some 60 drone strikes since January 2008 — just over 50 civilians killed for every Al Qaeda leader.”

    O JUST aí tem o significado de UM POUCO ACIMA, não de APENAS.

    Se você tem alguma dúvida, pergunta pra Cecília. 😉

    Abraco.

  52. Vitor Maciel disse:

    Vc já leu algo sobre robôs carnívoros Meira?
    Robôs que conseguem extrair energia de pequenos insetos e animais?
    É a Skynet se aproximando…

  53. davi p disse:

    Um dia eu aprendo a não ler os comentários de blogs brasileiros. Um dia…

  54. davi p disse:

    //Comentando o texto, agora.

    Se pelo menos tivéssemos unmanned vehicles em ambos os lados da guerra, queimaríamos “apenas” dinheiro e robôs. Assim como decidir uma guerra num [caríssimo] tabuleiro de xadrez.

    Após um longo período de guerras com baixas [humanas] só de um lado, atingiríamos um período de guerras sem baixas?

  55. rafael disse:

    galera, bora tentar não demonstrar tanta burrice e ao menos ler o texto né… ler né só saber o significado de palavras n… é necessário juntá-las…

    5 segundos para alguém reclamar do “bora” dizendo que eu sou ignorante… kkkkkkk… piadistas…