MENU

Escrito por • 10/12/2008

SBTVD: padrão latino-americano?

passei o dia inteiro ontem, em brasília, no julgamento do prêmio finep de inovação. o terra estava com problemas na interface de publicação e acabei enviando meu "relatório" das apresentações do prêmio para meu twitter. vá ver. há mais de vinte twits e links por lá. e um bom número de companhias faz coisas que vale a pena ver. [nada de novo, no entanto, no quesito tecnologias e plataformas de informação para o usuário final].

em brasília, e em ocasiões como esta, sempre se conversa com muita gente, gente que tem coisas a dizer [e não pode aparecer] e gente que, querendo aparecer, acaba inventando coisas que não deveria estar dizendo. um passarinho, do primeiro grupo, e dos muito bem informados no primeiro grupo, me cantou que o SBTVD, padrão brasileiro de TV digital, está a caminho de ser aceito como o padrão de TV digital de nada menos do que… argentina, paraguai, chile e peru, com outras conversas, em outros países, em andamento mas menos avançadas.

caso se confirme tamanha adesão, é capaz de estabelecermos o padrão de TVD aérea e aberta da américa latina, até porque o uruguai [segundo a mesma fonte] está morrendo de arrependimento por ter escolhido o padrão europeu. o que serve de muito mau exemplo para outros que estejam considerando o mesmo caminho.

esta coluna, claro, está vendendo a informação pelo preço que comprou. ninguém quer seu nome associado a tais declarações, até porque se este for mesmo o caminho das pedras… anunciá-lo antes de assinar tudo pode atrapalhar, e muito, o desfecho das negociações. depois, no futuro, a gente vê se era isso mesmo…

Artigos relacionados

0 Responses to SBTVD: padrão latino-americano?

  1. Enrique disse:

    Imagine o que vai ser esse padrão digital nesses países, se aqui no Brasil tem sido um fracasso.

  2. Enrique disse:

    Imagine o que vai ser esse padrão digital nesses países, se aqui no Brasil tem sido um fracasso.

  3. jefmip disse:

    A geografia nos paises Andinos prefere e já foi escolhido o sistema Europeo,

  4. jefmip disse:

    A geografia nos paises Andinos prefere e já foi escolhido o sistema Europeo,

  5. Andre Nóbrega disse:

    “esta coluna, claro, está vendendo a informação pelo preço que comprou. ninguém quer seu nome associado a tais declarações”
    Belo argumento. Essa é uma típica notícia que poderia ser evitada se o autor tivesse, de fato, alguma notícia importante pra escrever.

  6. Andre Nóbrega disse:

    “esta coluna, claro, está vendendo a informação pelo preço que comprou. ninguém quer seu nome associado a tais declarações”
    Belo argumento. Essa é uma típica notícia que poderia ser evitada se o autor tivesse, de fato, alguma notícia importante pra escrever.

  7. Ricardo Ramiro disse:

    Péssima noticia.

    Letras minuscas após o ponto final….. Não gostei…
    Sem contar a história de que não posso revelar a fonte.. rsrsrrss

    Como dizem: É melhor ler do que ser cego. (mas não posso dizer o autor da frase, pois pode atrapalhar) rsrsrsrsrsrs

  8. Ricardo Ramiro disse:

    Péssima noticia.

    Letras minuscas após o ponto final….. Não gostei…
    Sem contar a história de que não posso revelar a fonte.. rsrsrrss

    Como dizem: É melhor ler do que ser cego. (mas não posso dizer o autor da frase, pois pode atrapalhar) rsrsrsrsrsrs

  9. Felipe - Eng. Eletricista disse:

    O padrão brasileiro é por enquanto o melhor de todos, uma vez que ele utiliza a qualidade de transmissão do padrão japonês, muito superior ao americano na questão de recepção em movimento, e ainda possui uma inovação: o padrão MPEG-4, superior ao padrão MPEG-2, adotado pelos americanos, europeus e os próprios japoneses. Respondendo ao comentário do Enrique, no Brasil não é um fracasso, considerando que essa migração de sistemas sempre leva tempo e contando ainda que no início, os aparelhos são caros e o povo não tem condições de comprar os aparelhos necessários para a conversão.

  10. Felipe - Eng. Eletricista disse:

    O padrão brasileiro é por enquanto o melhor de todos, uma vez que ele utiliza a qualidade de transmissão do padrão japonês, muito superior ao americano na questão de recepção em movimento, e ainda possui uma inovação: o padrão MPEG-4, superior ao padrão MPEG-2, adotado pelos americanos, europeus e os próprios japoneses. Respondendo ao comentário do Enrique, no Brasil não é um fracasso, considerando que essa migração de sistemas sempre leva tempo e contando ainda que no início, os aparelhos são caros e o povo não tem condições de comprar os aparelhos necessários para a conversão.

  11. Cesar disse:

    Mais um grande negócio para o nosso Brasil tomar “CALOTE”?
    Acho que se verdade, o Brasil deveria resumir a negociação somente com Paises sérios para evitar futuras dores de cabeça!

  12. Cesar disse:

    Mais um grande negócio para o nosso Brasil tomar “CALOTE”?
    Acho que se verdade, o Brasil deveria resumir a negociação somente com Paises sérios para evitar futuras dores de cabeça!

  13. Marcelo disse:

    Pessoal, quem está à frente da apresentação desse projeto é o “Eletroeletrônicos Brasil”, com sede no Vale da Eletrônica – Santa Rita do Sapucaí MG.

    Inclusive hoje, tem uma equipe brasileira conversando com o governo peruano para apresentação do SBTVD

  14. Marcelo disse:

    Pessoal, quem está à frente da apresentação desse projeto é o “Eletroeletrônicos Brasil”, com sede no Vale da Eletrônica – Santa Rita do Sapucaí MG.

    Inclusive hoje, tem uma equipe brasileira conversando com o governo peruano para apresentação do SBTVD

  15. Pardal disse:

    Tb discordo do Enrique qdo ele diz que o SBTVD é um fracasso. O unico “problema” do sistema brasileiro é que erroneamente se associou tv digital à tv de alta definição, o que obriga (ou obrigou) as geradoras de conteudo (e transmissão) a se adequarem com equipamentos que produzam esse formato e não somente a transmitirem em digital o mesmo formato que vinha produzindo. Em resumo, o sistema brasileiro nem é proprietário nem livre, é híbrido do sistema japones com o americano.

  16. Pardal disse:

    Tb discordo do Enrique qdo ele diz que o SBTVD é um fracasso. O unico “problema” do sistema brasileiro é que erroneamente se associou tv digital à tv de alta definição, o que obriga (ou obrigou) as geradoras de conteudo (e transmissão) a se adequarem com equipamentos que produzam esse formato e não somente a transmitirem em digital o mesmo formato que vinha produzindo. Em resumo, o sistema brasileiro nem é proprietário nem livre, é híbrido do sistema japones com o americano.

  17. Carlos Henrique disse:

    Como de hábito, sempre tem alguém com complexo de inferioridade para comentar, atribuindo ao Brasil e a seus vizinhos latino-americanos uma incapacidade generalizada de fazer qualquer coisa dar certo.

  18. Carlos Henrique disse:

    Como de hábito, sempre tem alguém com complexo de inferioridade para comentar, atribuindo ao Brasil e a seus vizinhos latino-americanos uma incapacidade generalizada de fazer qualquer coisa dar certo.

  19. João Mauricio disse:

    Esssa notícia foi veiculada na semana passada pelo site EPTV.com. A afirmação foi do Ministro Hélio Costa durante a inauguração do sinal digital em Campinas-SP. Se isso realmente vier a se concretizar, trata-se de um mercado de R$100 bilhões a ser explorado nos próximos anos.
    Para ler a reportagem veiculada há uma semana, acesse o link abaixo:

    http://eptv.globo.com/tvdigital/tvdigital_interna.asp?238035

  20. João Mauricio disse:

    Esssa notícia foi veiculada na semana passada pelo site EPTV.com. A afirmação foi do Ministro Hélio Costa durante a inauguração do sinal digital em Campinas-SP. Se isso realmente vier a se concretizar, trata-se de um mercado de R$100 bilhões a ser explorado nos próximos anos.
    Para ler a reportagem veiculada há uma semana, acesse o link abaixo:

    http://eptv.globo.com/tvdigital/tvdigital_interna.asp?238035

  21. lucio disse:

    SBTVD – sistema Brasileiro de TV digital????? que sistema é esse???
    até onde se sabe o sistema é Japonês,, e o que vejo por ai é que estão fazendo um tal de middleware que na verdade é uma pequena parte do software que roda no settopbox. A real necessidade de um novo tupniquin middleware é que assusta. Dizer que é uma necessidade nacional é uma tremenda ignorancia..Vá se fuuuder quem pensa que tem esta historia de SBTVD,, Va enganar a sua mãe otario.

  22. lucio disse:

    SBTVD – sistema Brasileiro de TV digital????? que sistema é esse???
    até onde se sabe o sistema é Japonês,, e o que vejo por ai é que estão fazendo um tal de middleware que na verdade é uma pequena parte do software que roda no settopbox. A real necessidade de um novo tupniquin middleware é que assusta. Dizer que é uma necessidade nacional é uma tremenda ignorancia..Vá se fuuuder quem pensa que tem esta historia de SBTVD,, Va enganar a sua mãe otario.