por Silvio Meira

CONTRAN vence CAMPEONATO NACIONAL DE IDEIAS DE JERICO

C

mal o ano começou, o CONTRAN acaba de vencer o CAMPEONATO NACIONAL DE IDEIAS DE JERICO, edição 2018, com a resolução que obriga TODO MOTORISTA que vai renovar sua habilitação a fazer um cursinho de DEZ HORAS sobre as LEIS do TRÂNSITO, seguido de uma PROVA TEÓRICA sobre o assunto. 

tirando por baixo, são dez horas de “aula” e, se voce tiver sorte, entre deslocamentos, espera e tempo para fazer a tal prova, mais outras cinco. acabaram de roubar mais QUINZE horas da vida de cada motorista, a cada cinco anos. o país tinha ~60 MILHÕES de motoristas em 2015; mesmo usando tal número hoje, são 12 MILHÕES de renovações por ano. e quanto é isso vezes 15? são 180 MILHÕES de horas perdidas por ano. como se o BRASIL já fosse o país mais produtivo do mundo.

segundo o CONTRAN, tem que ser assim, porque o trânsito é um CAOS. demos crédito a tal afirmação, afinal não passa da verdade. mas nem todos os motoristas estão envolvidos no caos; na verdade, só uma pequena minoria está. como este é o caso, mesmo que devêssemos manter a renovação da CNH a cada cinco anos [e esse NÃO deveria ser o caso, como discuti há anos em A CARTEIRA DE MOTORISTA E A INFORMATIZAÇÃO DO CAOS, no link… bit.ly/1SaaB81], façamos o seguinte: somente os motoristas que tiveram INFRAÇÕES GRAVÍSSIMAS nos últimos cinco anos precisariam fazer o tal cursinho e a prova correspondente. que tal?…

não. suas excelências do CONTRAN não devem ter considerado tal alternativa porque deve ser MUITO difícil saber quem são os motoristas que cometem infrações gravíssimas, como… transitar com veículo danificando a via ou seus equipamentos e instalações. e essa, na verdade, os DETRANs e a PRF têm muita dificuldade de descobrir, porque [quase] não há balanças nas estradas. o motorista de caminhão irá fazer o cursinho e a prova, sairá de lá com a sua nova CNH, ato contínuo carregará o caminhão que deveria ter só 23 toneladas com 30… e tudo bem. como sempre, aliás. teoria e prova terão servido de… nada.

no brasil, lugar cheio de burocracias estatais e regras gerais, talvez o lugar no mundo onde o ESTADO mais tenta ter a TUTELA de tudo o que O POVO faz ou tenta fazer, os inocentes vão pagar mais essa conta. isso se a resolução não for revogada, como já aconteceu com outras tantas emitidas pelo CONTRAN, que parece não pensar muito nas consequências de seus atos. como no patético exemplo dos extintores, há pouco.

no caso DESTA resolução, um amigo me chamou a atenção para um grupo de BENEFICIÁRIOS deste custo que se quer impingir aos motoristas: a resolução 726 CRIA um MERCADO ANUAL de CENTO E VINTE MILHÕES DE HORAS de CURSOS de teoria geral da direção automotiva no brasil, ou nome que o valha… para os Centros de Formação de Condutores. não acredito que os CFCs tenham feito qualquer lobby para criar mais esse problema para os motoristas. mas… um mercado de 120 milhões de horas de cursos… a -sei lá, digamos- R$10 por hora… seriam R$1.200.000.000 por ano. nada mal, né? se isso tiver caído no colo dos centros de formação sem ninguém trabalhar por essa portaria lá no CONTRAN… aí é simplesmente fantástico.

segundo clay shirky [em bit.ly/9cZJ5v] as BUROCRACIAS suspendem, temporariamente, a SEGUNDA LEI da TERMODINÂMICA.

numa burocracia, é sempre muito mais fácil COMPLICAR do que simplicar qualquer coisa… e é mais simples criar um NOVO ENCARGO do que remover um que já existe, como a burrice anterior, sistêmica, de pessoas que não cometeram nenhuma infração nos últimos cinco anos terem que renovar suas carteiras de motoristas… simplesmente porque a burocracia assim o decidiu e tem o poder para demandar isso dos condutores.

o brasil já é complicado demais. como se não bastasse, comitês, conselhos, plenárias, câmaras, assembleias de todos os tipos tentam, todo dia, complicar um pouco -quando não muito- mais. uma hora, colapsa, por puro e simples excesso de complicação. estamos, por sinal, quase lá… na opinião dos otimistas.

Sobre o autor

Silvio Meira

silvio meira é cientista-chefe da TDS.company, professor extraordinário da CESAR.school e presidente do conselho do portodigital.org

por Silvio Meira
por Silvio Meira

Pela Rede

silvio meira é PROFESSOR EXTRAORDINÁRIO da cesar.school, PROFESSOR EMÉRITO do CENTRO DE INFORMÁTICA da UFPE, RECIFE e CIENTISTA-CHEFE, The Digital Strategy Company. é fundador e presidente do conselho de administração do PORTO DIGITAL. silvio é professor titular aposentado do centro de informática da ufpe, fundou [em 1996] e foi cientista-chefe do C.E.S.A.R, centro de estudos e sistemas avançados do recife até 2014. foi fellow e faculty associate do berkman center, harvard university, de 2012 a 2015 e professor associado da escola de direito da FGV-RIO, de 2014 a 2017.

Silvio no Twitter

Arquivo